Frustração: uma guerra interior - RÁDIO VITÓRIA GOSPEL - Quem Ouve Adora! Paranavaí-PR
  • ULTIMAS POSTAGENS

    terça-feira, 15 de outubro de 2013

    Frustração: uma guerra interior

     Frustração é o estado que fico quando não tenho o que gostaria, quando me deparo com um obstáculo, externo ou interno, que me priva de satisfazer um desejo acalentado.
    Frustro-me quando mergulho na ilusão, enganando-me com a expectativa, defraudando meus próprios castelos de areia.
    Não gosto da frustração, pois ela me remete às falhas que nego ou tento esconder.
    Engasgo com o desgosto, ao ver que as coisas não saíram como eu pretendia, e o resultado é algo aquém dos meus sonhos, quase sempre infantis.

    Lidar com a frustração é encarar uma guerra, de quem pretende ser onipotente, mas perde. Perder é amargar uma derrota do orgulho, é ferida narcísica, é manha de ser um ser mimado que não quer deixar esse lugar.

    Pensar na frustração é ter que rever minhas idealizações. Trata-se de enfrentar o espinhoso trabalho de desidealizar, desmascarar a ingenuidade preguiçosa e covarde a que me apeguei, e ter que lidar com a realidade dura, por vezes cruel. Aí não há espaço para nutrir perfeccionismos doentios, alimentado pelo autoengano do “eu consigo”, “só os fracos desistem” torna-se o mantra da infeliz teimosia.

    Apesar de eu evitar com toda minha força a colisão com o muro das ilusões, ela acontece, e aí sobram ruínas. E aí, tomo fôlego pra construir novos muros parecidos? Mais do mesmo?

    “Pretensiosos e arrogantes vestem-se com os insultos da última moda. Mimados e fartos, enfeitam-se com as tiaras da tolice” (Sl 73.6-7 – A Mensagem). Quem sou eu de fato? Por detrás de dispositivos internalizados, disfarces e ataduras, o que sobra?

    Desejo olhar, mas desejo também um olhar misericordioso. Quero a coragem de não fechar os olhos, mas também a audácia de não me acomodar na autocontemplação vaidosa. Que a compaixão e a sabedoria me guiem, afinal, como dizia Martin Buber, “existe uma autocontemplação estéril, que não leva a lugar nenhum, somente à tortura de si mesmo”.


    - Tais Machado

    Fonte: Ultimato
    Fonte: Rádio Vitória Gospel Paranavai
    OFERECIMENTO:


    PARAISO DAS CAMAS - PARANAVAI
    RUA MINAS GERAIS, 153 - CENTRO
    FONE (44) 3423-5490
    PARANAVAÍ - PARANÁ
    Facebook.com/paraisopvai

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    Google+ Followers